.




Foto: Divulgação
                                                          
.
.

Casa de Pedras, na divisa de Itatira, é alvo de vandalismo


Segunda-feira, 20 de julho de 2015   Atualização: 04:38

A Casa de Pedra, na divisa do município de Itatira, esta sendo alvo da ação de vandalismo. De acordo com um estudo elaborado pela Sociedade Brasileira de Espeleologia as atividades de visitação, em suas diversas formas, constituem importante ferramenta de educação e, de sensibilização, mas em muitos casos, têm se transformado em meio de destruição e a Casa de Pedra está se descaracterizando através desta prática. De acordo com o estudo, pessoas estão fazendo inúmeras pichações na entrada e no interior da cavidade e poluindo o ambiente cavernícola com a dispersão de lixo em resíduos sólidos.
.
. .
. .
. .

A referida cavidade natural subterrânea, vem sendo alvo de significativos impactos ambientais, sofrendo vandalismo, com mais de uma centena de pichações na entrada e no interior da gruta, e poluição do ambiente cavernícola com a significativa dispersão de lixo, conseqüências de visitações eventuais de pessoas ao local. 

O estudo constatou a situação de expressiva degradação em que se encontra a Casa de Pedra, a imensa quantidade de pichações feitas nas paredes da cavidade, no seu interior, como principalmente em sua entrada, deve ser superior a uma centena delas, de vários tamanhos, feitas com corretivo escolar e até mesmo com spray de tinta, cuja fixação é bem maior e a remoção mais difícil.

É extremamente perceptível o impacto visual provocado pelas pichações em vastas partes da cavidade e principalmente em sua entrada, além de resíduos sólidos como garrafas pet de refrigerante e de água, papel e embalagens plásticas dispostos dentro da cavidade natural subterrânea e vestígios da ocorrência de fogueiras.

A Sociedade Brasileira de Espeleologia cita que uma variação bastante danosa de visitação a cavernas é aquela praticada geralmente de forma eventual, não sistemática, sem controle e que resulta em vandalismo.

“Geralmente manifesta-se através das pichações, quebra de espeleotemas e demais formações, roubo de fósseis, ataque à fauna, lixo e, até mesmo, a queima de fogos de artifício em seu interior”, diz o estudo.


Para explicar a degradação da Casa Pedra o estudo cita como varias as modalidades existentes de atividades de visitação à caverna, onde podem-se destacar as visitações de turismo de massa, de turismo religioso, visitações eventuais, de exploração, pesquisa e aventura.

“As visitações eventuais às cavernas, tem se demonstrado em geral bastante prejudiciais às cavidades naturais subterrâneas, pois ocorrem comumente sem nenhum cuidado e respeito ao meio ambiente”, diz o estudo. As cavernas são recursos naturais não renováveis, elas se formaram com o passar de muito tempo, de muita água.

“Apesar de benéfica em muitos casos, a atividade de espeleoturismo deve ser bem pensada a fim de resultar em ganhos na conservação destes ambientes, em conhecimento acerca do seu funcionamento e não apenas em recreação descompromissada”, diz a Sociedade Brasileira de Espeleologia. 
O estudo pede a adoção de medidas de gestão socioambiental, de fiscalização e principalmente de educação ambiental para efetivar a proteção legal do patrimônio espeleológico. O estudo pede ainda que sejam realizados projetos de educação ambiental participativo para ser implementado na Casa de Pedra e nas comunidades do entorno desta cavidade natural subterrânea.

A Casa de Pedra pode ser considerada uma das maiores cavidades naturais subterrâneas de formação litológica em Mármore do Estado do Ceará. Diante das dimensões significativas encontradas, só foi possível realizar o início do mapeamento da caverna.
.

Compartilhar no Facebook
......
.

.
.
.


Recomendado para você

.




.






.






.






.






.






.






.






.






.






.






.






.






.







.






.






.
 EM ALTA  ENTRETENIMENTO & ARTES  FINANÇAS
 BRASIL  ESPORTE  GENTE & ESTILO
 GAY  IMAGENS  INTERNACIONAL
 POLITICA  RADIO  SAÚDE
 TECH & CIÊNCIA  TEMPO & NATUREZA  TURISMO
 TV  URBANO & SOCIEDADE  VIDEOS
.

Sobre

Termos de Uso

Mobile

Ajuda

Privacidade e Cookies

Direitos Autorais

Contate-nos

Anuncie seu negócio

.

.                                                    © Todos os direitos reservados.