.





.
                                                          
.
.

Itatirense que mora na França encontra mãe biológica em Itatira


Sabado, 12 de maio de 2018
  Atualização: 04:38

“Eu tenho o sonho de reencontrar minha mãe biológica”. Este foi o pedido feito por uma mulher à Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce). E deu certo! Com o auxílio das tecnologias oferecidas pelo órgão, mãe e filha se reencontraram depois de 25 anos. Sua mãe morava em Itatira. Nascida no Ceará e naturalizada francesa - após ter sido adotada e levada para a França - Celine Jacquot (25), com o auxílio do pai adotivo, entrou em contato com a Pefoce e disse que tinha o desejo de rever a mãe. 
.

. .
. .
. .

.
.
.



Recomendado para você

.




.






.






.






.






.






.






.






.






.






.






.






.






.







.






.







.
 EM ALTA  ENTRETENIMENTO & ARTES  FINANÇAS
 BRASIL  ESPORTE  GENTE & ESTILO
 GAY  IMAGENS  INTERNACIONAL
 POLITICA  RADIO  SAÚDE
 TECH & CIÊNCIA  TEMPO & NATUREZA  TURISMO
 TV  URBANO & SOCIEDADE  VIDEOS
.

Sobre

Termos de Uso

Mobile

Ajuda

Privacidade e Cookies

Direitos Autorais

Contate-nos

Anuncie seu negócio

.

.                                                    © Todos os direitos reservados.