Itatira PRINCIPAL RODOVIA

Após seis meses da inauguração, CE-366, em Itatira, já tem buracos

Na obra o Governo do Ceará repassou a construtora cerca de 7 milhões de reais.

30/05/2020 16h03 Atualizada há 3 dias
Por: Itatira NEWS

As duas principais rodovias de Itatira, dentre elas a CE-366, que foi inaugurada em novembro do ano passado pelo governador Camilo Santana, já apresenta trechos com buracos na via. Seis meses depois de inaugurada, a principal rodovia do município de Itatira já está com buracos. Já há quem esteja reclamando da buraqueira. Na comunidade de São Joaquim, próxima ao distrito de Lagoa do Mato, existe um buraco que já está sendo motivo de reclamação de quem precisa usar a rodovia. “Ele fica bem na cabeça do alto, ali na entrada para o açude. A gente vem de moto e só vai enxergar o buraco quando já ta em cima dele. É um risco a gente cair”, disse um motociclista. "A estrada não ta nem com um ano que foi feita e já estar assim", reclama o motociclista.

Ao longo dos 26 quilômetros da rodovia, entre o distrito de Macaoca, na BR-020, até o distrito de Lagoa do Mato, há outros trechos com buracos. A reforma na estrada foi feita no ano passado após intensos protestos de moradores que fecharam a via por várias vezes cobrando o fim dos buracos. Após muitas criticas, o governador do Estado, Camilo Santana, anunciou a reforma na rodovia. Durante as obras, foram retirado todo o asfalto da via e colocado britas por cima e depois um óleo preto em cima da brita. Dias depois, moradores mostraram que material recém colocado na rodovia estava apresentando falhas. Após queixas dos moradores, a construtora responsável tampou as anomalias com asfalto.

Outra rodovia em Itatira, a CE-168, inaugurada em 2018, também já possui buracos em alguns trechos ao longo da via. A rodovia liga a sede do município de Itatira ao distrito de Lagoa do Mato e tem cerca de 16 quilômetros. Há buracos em vários trechos da rodovia. O Itatira NEWS entrou em contato com a construtora responsável pela obra e com o Departamento Estadual de Rodovias - DER, mas até o fechamento desta reportagem não obteve retorno nem da empresa que fez a obra na rodovia e nem do órgão do Governo do Estado. Na obra o Governo do Ceará repassou a construtora cerca de 7 milhões de reais oriundos do Tesouro Estadual para que fossem feitos serviços de pavimentação, revestimento asfáltico e sinalização vertical e horizontal da rodovia.