Crime VEJA VIDEO

Motociclista que dava "grau" atropela homem; Vitima está em estado grave

Homem segue internado e aguarda por uma vaga urgente na UTI

17/08/2020 06h12 Atualizada há 4 dias
Por: Itatira NEWS

O homem de 57 anos que foi atingido por um motociclista que empinava a moto em Praia Grande, no litoral de São Paulo, ainda segue internado, já que sofreu uma grave lesão cerebral, segundo relatou uma vizinha dele, amiga da família, ao G1 nesta segunda-feira (17). A autônoma, de 46 anos, relata que está o acompanhamento diariamente no hospital, já que a vítima não tem familiares no município. Ainda segundo a autônoma, a vítima segue internada e aguarda por uma vaga urgente na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). "A pior lesão é na cabeça. Ele teve uma lesão superficial na perna, mas o pior foi na cabeça, onde está com um coágulo. O médico disse que não está passando o oxigênio suficiente e que ele precisa urgente ser transferido para UTI. Devido ao grave ferimento, ele teve sequelas, não reconhece ninguém", conta a vizinha.

Ela relata que o homem mora em frente a residência dela e não tem familiares na cidade. Após o acidente, ela e a irmã começaram a se revezar para visitá-lo diariamente e acompanhar o estado de saúde. Imagens mostram motociclista empinando moto e atropelando homem em Praia Grande, SP Imagens mostram motociclista empinando moto e atropelando homem em Praia Grande, SP O acidente que vitimou o homem ocorreu na Rua Dorivaldo Francisco Loria, no bairro Mirim, na última quarta-feira (12). Uma câmera de monitoramento registrou o momento exato em que o motociclista passou pela via empinando a moto, perdeu o controle e atingiu o homem que estava de pé na rua.

Ao lado do condutor, estava o outro motociclista. Nenhum dos dois prestou socorro à vítima e ambos fugiram após ocorrido, enquanto o homem permanecia caído ao chão. As imagens circularam nas redes sociais e revoltaram a população. A Polícia Militar foi acionada na data da ocorrência e encaminhou o caso ao 2º DP. A polícia, então, iniciou o trabalho de investigação e, após serem identificados e localizados, os motociclistas foram autuados por lesão corporal culposa na direção de veículo automotor, fuga de local de acidente e omissão de socorro. A moto do condutor de 21 anos, que atingiu a vítima, foi apreendida e encaminhada ao pátio. "Na emergência ele está sendo bem cuidado, mas estamos cobrando a vaga porque o próprio médico disse que o estado dele é grave. Estou em conversa com a família para ver se eles conseguem vir acompanhá-lo ou se conseguimos a transferência dele para o Paraná. É triste que a irresponsabilidade do motociclista fez com que outra pessoa sofresse. E o pior é que eles estavam disputando racha", relata a autônoma.