Crime ItatiraNEWS.com

Presos pedem ajuda e relatam fome, doenças e medo da Covid-19

"Estamos pondo a nossa vida em risco", dizem presos com medo de pegarem Covid-19 em presidio.

30/05/2021 03h57 Atualizada há 1 dia
Por: Itatira NEWS

"Estamos até correndo risco de pegar Covid-19, pondo a nossa vida em risco". O desabafo é de um detento, em uma carta em que pede ajuda a familiares para denunciar as condições do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Praia Grande, no litoral de São Paulo. Além dessa carta, direcionada à esposa do interno, outros presos se uniram e fizeram um manuscrito de sete páginas, onde alegam diversos problemas, como falta de água, de medicamentos, alimentos estragados, demora dos Correios e surtos de doenças. Na carta enviada por um detento, ele afirma que "a cada dia que passa fica mais difícil". Dentre os problemas citados, ele comenta sobre a situação da saúde, falta de água e dos castigos constantes. A principal questão é o medo da infecção pela Covid-19 em situações insalubres.

“Eles estão sendo tratados como bicho. Eles estão à mercê da sorte e da providência de Deus", disse uma das esposas dos presos. Na carta feita pelos detentos, eles abordam diversos assuntos, como as visitas, a precariedade da saúde, alimentação, falta de água, demora do Sedex, demora de cartas e e-mails, kits de higiene, castigos, etc. "Essa unidade prisional usufrui de uma conduta arbitrária, abusiva e desumana", dizem os presos na carta. A Secretaria da Administração Penitenciária negou as afirmações contidas na carta pelos presos.