Baratão das Frutas
UNOPAR CANINDÉ
POSTO IPIRANGA SUPER BANNER
MAIS SAUDE ODONTO EM LAGOA DO MATO, EM ITATIRA
POLÊMICA NA LAGOA

Quebra-molas 'gigantes' ajudam a prevenir acidentes em Itatira

Muita gente em Itatira é favor dos quebra-molas, mas outros criticam um excesso no número de quebra-molas no distrito de Lagoa do Mato e também a altura deles.

31/05/2019 01h55
Por: Itatira NEWS

Quebra-molas construidos pela Prefeitura de Itatira estão nas principais avenidas do distrito de Lagoa do Mato para diminuir a velocidade dos veículos que passam pela região. Caso o veículo passe rápido demais neste locais, poderá danificar o sistema de suspensão, ou até mesmo outras peças, dependendo do impacto.

Assim, nos trechos com quebra-molas, os motoristas são obrigados a reduzir a velocidade. Muita gente em Itatira é favor dos quebra-molas mas outros criticam um excesso no número de quebra-molas no distrito e também a altura deles.

A Prefeitura de Itatira defende o uso dos quebra-molas por ser uma importante ferramenta para reduzir a velocidade dos carros no trânsito, principalmente se a via for ponto de grande fluxo de pessoas como no Centro do distrito de Lagoa do Mato, garantindo assim o tráfego seguro dos pedestres. A colocação de quebra-molas na zona urbana está a cargo da Prefeitura, que deve indicar, conforme a legislação, a localização, o espaçamento e o padrões necessários.

A prefeitura deve ainda fazer a sinalização adequada, com base na legislação, colocando placas de indicação de velocidade máxima permitida, evitando assim que o quebra-molas vire um obstáculo infeliz para os motoristas. De acordo com a resolução nº 600, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), quebra-molas podem ser instalados "onde se necessite reduzir a velocidade do veículo de forma imperativa, nos casos em que estudo técnico de engenharia de tráfego demonstre índice significativo ou risco potencial de acidentes".

Conforme a legislação, a instalação só pode ser feita com autorização da autoridade de trânsito, em locais onde outras alternativas de engenharia de tráfego são ineficazes. Segundo a legislação, as lombadas devem obedecer à resolução 600 de 24 de maior de 2016 do CONTRAN (em substituição às resoluções 39/1998 e 336/2009), devem obrigatoriamente ser sinalizadas e podem ser de dois tipos de tamanho. No tipo 1 devem ter as medidas de 8 cm de altura por 1,5m de largura, no tipo 2 devem ter 10 cm de altura por 3m de largura, ambos com o comprimento igual a largura da rua.

Devem ser utilizados somente em último caso para a prevenção de acidentes. Diz o parágrafo único do artigo 94 da resolução 39/98 do Contran: "É proibida a utilização de ondulações e ou tachões, transversais e de sonorizadores como redutores de velocidade, salvo em casos especiais definidos pelo órgão ou pela entidade competente, nos padrões e critérios estabelecidos pelo Contran".

A legislação prevê multa para quem coloca lombadas sem permissão. O responsável pelo quebra-molas irregular, se identificado, ainda poderá ser punido criminalmente por danos materiais e por homicídio. Lombadas em desacordo com o padrão danificam e desgastam severamente o veículo, qualquer dano causado por estes objetos devem ser relatados ao CONTRAN e mas o proprietário pode processar e pedir indenização ao estado caso seu veículo tenha sido danificado ou roubado por conta de lombada fora das especificações do CONTRAN. 

MAIS SAÚDE ODONTO
POSTO IPIRANGA
ANUNCIO MAIS SAÚDE ODONTO
MAIS SAÚDE ODONTO EM ITATIRA
Últimas notícias
POSTO IPIRANGA ANUNCIO
Mais lidas
MAIS SAUDE ODONTO ANUNCIOS