Mais comentadas CASO RARO

Bebê nasce sem ânus e passa por cirurgia de emergência

A criança foi transferida para UTI.

12/02/2021 13h19
Por: Itatira NEWS

O bebê que nasceu com atresia anal (ânus imperfurado) em Alta Floresta, no Mato Grosso, e cuja família precisou da intervenção da Defensoria Pública do Estado, passou pela cirurgia corretora. A criança foi transferida um dia antes, por meio de uma UTI aérea, para um hospital particular em Cuiabá, Capital de Mato Grosso. Ao tomar conhecimento do caso, o defensor público Moacir Gonçalves Neto pediu a transferência do bebê e o bloqueio de R$ 87,6 mil das contas do Estado. O dinheiro deve pagar pela internação e cirurgia. Em crianças que nascem com atresia anal, o intestino não se forma de maneira adequada e o ânus se liga com a uretra, vagina, ou com a bexiga. Os bebês com esse problema não defecam normalmente após o nascimento. Apesar do alívio, a condição do bebê ainda não foi completamente resolvida. Segundo a família, na cirurgia foi colocada uma bolsa de colostomia e só daqui dois anos será feito o procedimento cirúrgico para resolver o problema em definitivo.