Itatira 1ª MORTE REGISTRADA

Corpo de itatirense morta com coronavírus é enterrado com caixão lacrado e sem velório

Senhora é do distrito de Bandeira, na zona rural de Itatira.

01/05/2020 19h50 Atualizada há 3 meses
Por: Itatira NEWS

O corpo de uma senhora de Itatira que morreu com coronavírus foi enterrado nesta sexta-feira (1º) sem autorização para abrir o caixão e sem direito a velório. O corpo saiu direto do Hospital Regional do Sertão do Central, em Quixeramobim, direto para o cemitério. O municipio de Itatira confirmou nesta sexta-feira (5) a primeira morte por coronavírus no municipio. A senhora do distrito de Bandeira, na zona rural de Itatira, que foi o primeiro de coronavírus no município, morreu nesta sexta-feira (1º) após complicações em seu estado de saúde. Ela estava internada em estado grave na UTI do Hospital Regional do Sertão Central, em Quixeramobim. A informação foi confirmada pela secretaria de saúde de Itatira ao Itatira NEWS e também pela direção do hospital. Trata-se da primeira morte por coronavírus no município. A senhora tinha mais de 80 anos.

A secretaria de saúde do municipio informou que ela foi infectada após parentes da senhora de Fortaleza irem visitá-lo durante a Semana Santa. A mulher estava internada na UTI do Hospital Regional de Quixeramobim em estado grave. Nesta semana o sistema Integra SUS, do Governo do Estado, chegou a publicar que ela havia sido curada retirando o nome da paciente da lista de casos infectados, mas depois corrigiu a informação e disse que houve um erro no sistema tendo em vista que a senhora continuava hospitalizada. A informação foi corrigida pelo Governo do Estado horas depois e o nome da paciente voltou a constar na lista de infectados.